Sua igreja na bolha

Sua igreja entrou na bolha? . . Não sei se de onde você está lendo esse texto, bolha, também é uma gíria que corresponde a ficar enclausurado, dentro de algum ambiente fechado, em casa: "na bolha". . . Estamos vivendo dias em que as igrejas "estão na bolha", engessadas e com pouca alternativa de ação, a não ser pela apropriação massiva dos canais digitais e das redes sociais. . . Estamos todos quebrando a cabeça para entendermos como nos conectar as nossas audiências, como manter as pessoas abastecidas da Palavra, como seguir processos de pastoreio e, até, há quem esteja preocupado com as doações e a saúde financeira das comunidades. . . Preocupações legítimas. . . Ficamos anos falando que as igrejas estão conversando para dentro dos muros, para suas "auto-bolhas" e agora, tempo em que estamos presos as nossas bolhas, estamos em nova crise, pois não estávamos preparados para lidar com isso. Não estávamos prontos para continuar conversas, render conteúdos, estimular jornadas de estudo sem que houvesse proximidade, não tínhamos preparado as pessoas para a consciência de que o dízimo é um ato de adoração e um investimento na missão de Jesus (e não em prédios); não havíamos notado que o digital é parte da missão ordinária da igreja. . . O coronavírus é presente, mas para pensar o futuro da igreja já é passado. Estamos nele e seguiremos correndo em busca de soluções para nos conectar às pessoas nos próximos dias ou meses. . . Mas o que sua igreja está planejando para o futuro? Ela pensa no futuro? . . O futuro pode ser inesperado e com necessidades de planos de contingência que não paralisem a nossa missão de cuidar, tocar e converter pessoas. . . #prapensar


  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • Branca Ícone Spotify

© 2020 customizado por ChurchCOM.com.br